Pesquisar este blog

Carregando...

Translate

terça-feira, 25 de outubro de 2016

3ª, 4ª e 5ª – As Dimensões e Suas Diferenças


a vida que imaginamos é a nossa realidade


Ao passar pelo processo de despertar espiritual, mais cedo ou mais tarde somos confrontados com o fato de que parece haver mais dimensões do que a única realidade que estamos vivendo e que conhecemos tão bem. Começamos a questionar a nossa vida e o que costumava ser verdade parece de repente começar a se desintegrar. Nós não temos mais tanta certeza se estamos realmente vivendo em uma realidade ou se ela não é tão real depois de tudo. As energias dimensionais mais elevadas estão nos chamando. Começamos a entrar em ressonância com elas e seguimos em nossa busca para saber mais sobre quem realmente somos. Nós aprendemos sobre as energias universais, as diferentes frequências e o que a ascensão realmente significa. Uma mudança energética da 3ª para a 5ª dimensão, aumentando nossas frequências a um nível muito mais elevado transmutando as baixas frequências do medo para o amor incondicional até um ponto onde não restar nenhum medo. Nos deparamos com muitas informações e estamos aprendendo bastante sobre nós mesmos, o Universo e a humanidade. Uma pergunta que muitas vezes nos mantém ocupados é como saber diferenciar entre as dimensões.

Para entender as diferentes dimensões e como sentir elas melhor, vamos descrever suas características individualmente.

A 3ª Dimensão – O Mundo Material do Medo

“Porque nós estamos vivendo em um mundo material eu sou uma garota materialista…” ~Madonna



A imagem da 3ª dimensão está perfeitamente descrita em sua música. Ela fala que só vai sair com homens que têm dinheiro para comprar as coisas do seu interesse e como ela teme perder seu dinheiro já que entrou no estado de acumular posses. A 3ª dimensão é tudo sobre o material, acumular bens materiais e viver com medo de perdê-los. Temos medo de perder o controle. Temos medo de não estar seguros, de não ser bom o suficiente. Nós não confiamos nas pessoas porque elas podem levar a nossa riqueza para longe de nós. Por isto tentamos obter o poder sobre os outros para estar em uma posição de força.

Nós nos definimos neste plano por aquilo que possuímos e o que fazemos para ganhar a vida. Acreditamos que estamos separados do Criador, de tudo e de todos. Enquanto nós não formos UM com a Fonte, não podemos experimentar a unidade com O Tudo O Que É. Acreditamos que a morte é algo doloroso, escuro e finito. Acreditamos que vivemos uma vida e que quando morremos termina tudo. Acreditamos que este mundo é um lugar de escassez. Por isto acreditamos que temos que lutar muito para o nosso bem-estar, porque não existe o suficiente para todos. Nós pensamos que a vida é uma competição com ganhadores e perdedores. Nós pensamos que é bom mentir porque todo mundo faz isto nesta realidade/ilusão. Estamos convencidos de que temos que estar sempre certos sobre as coisas. Nós acreditamos que existem papéis para homens e mulheres. Homem sendo forte e lutador, mulher sendo sensível e fraca.

Isto vem mudando com a elevação do feminino nas últimas décadas, mas a verdadeira natureza do masculino e feminino ainda não foi compreendida com relação ao relacionamento, acreditamos que não podemos estar completos sem outra pessoa. Nós acreditamos que precisamos de alguém para nos fazer feliz e inteiro. Nós experimentamos a alegria em ocasiões muito raras. Em belas situações de tirar o fôlego, seja no contato com a natureza ou durante um estado de meditação profunda. Estes são os raros momentos que nos levam para o AGORA. O único lugar onde o ego não existe. Estamos tão acostumados com o ego que não questionamos se a forma como vivemos é normal, nós gastarmos todo o nosso tempo no passado ou no futuro. O ego interpreta o “deve ter, poderia ter, no jogo da posse” jogando o jogo de saltar para o passado e para o futuro “criando cenários”, nos preparando para todas as possibilidades. Nós não percebemos que o único lugar real que devemos estar é no AGORA.

Os seres humanos na 3ª dimensão buscam o sexo físico porque esta é a única oportunidade para experimentar a fusão das energias masculinas e femininas em perfeito equilíbrio. Essa é a causa raiz para este desejo. Na 3ª dimensão, não entendemos que este é o sentido da carência de um(a) parceiro/parceira. Nós não entendemos que podemos criar esta totalidade para nós mesmos. Nós não só podemos como devemos para podermos acessar as dimensões superiores. Não conseguimos pensar que os desejos sexuais podem mudar de uma necessidade para um compartilhamento. Na 3ª dimensão nunca aprendemos a amar a nós mesmos. Pelo contrário, somos ensinados a acreditar que isto é egoísmo. Mas o oposto é que é verdade. Não amar a si mesmo é um pensamento “ego-ai-está” e é o que o impede de sermos inteiros e mantermos o nosso interior vivo.

Energeticamente a 3ª dimensão é um lugar de baixa vibração que aumenta a ilusão de separação, dualidade e livre arbítrio. O nosso EU superior não está integrado no corpo físico porque não consegue lidar com a baixa densidade e frequência. Ele está conectado conosco através do nosso corpo espiritual, mas quando nossos chacras estão bloqueados, dificilmente ele consegue chegar até nós. Isto cria a ilusão de que estamos separados da Fonte. Na 3ª dimensão nós realmente achamos que a nossa vida é baseada em coincidências e que não existe destino, nem que planejamos as experiências que vamos viver nesta dimensão, pois não temos conhecimento da nossa verdadeira identidade, somos um ser espiritual em um corpo físico sofrendo de amnésia.

À medida que encarnamos na 3ª dimensão, esquecemos quem realmente somos e recebemos uma mente/ego que só tem conhecimento desta encarnação. Não nos lembramos de nenhuma de nossas vidas anteriores porque a memória não nos acompanhou. Apenas a nossa estrutura celular e DNA carregam as memórias da nossa linhagem da família, nosso EU superior também sabe sobre as nossas experiências de vidas passadas. Enquanto a mente/ego está na liderança e nosso coração está fechado, a conexão com o nosso EU superior na maioria das vezes está bloqueada. A comunicação com o nosso EU superior e os reinos mais elevados só pode ser sentida, não compreendida com a mente racional.

A mente/ego não é capaz de processar esta quantidade de energia. Enquanto nós estamos bloqueados não podemos sentir a verdade, acreditamos que nossa mente/ego deve estar na liderança, pois é “oh tão inteligente”. E sim, é, mas para nos manter longe do nosso verdadeiro EU e nos manter presos nas ilusões e crenças. Toda vez que a nossa intuição vem e expressa a verdade, a mente/ego grita: “Prove!” Então, nós ignoramos a intuição novamente porque somos incapazes de provar o que nós sentimos. Continuamos a correr em círculos de olhos vendados, tentando descobrir como a vida funciona e o que devemos realmente fazer. Acreditamos que vamos encontrar as respostas para a nossa busca pela felicidade no exterior, fora de nós. Nos adaptamos ao jogo e aceitamos as ilusões da 3ª dimensão como nossa realidade, porque é o que todo mundo faz. Nós suprimimos as dúvidas sobre o nosso propósito, a nossa verdadeira origem, nossos talentos e dons. Acreditamos que devemos esquecer estas perguntas, porque todo mundo está vivendo de acordo com as mesmas regras.

Se falarmos em voz alta nossas dúvidas e nossos verdadeiros desejos, nos consideram louco e sonhador irrealista. Então, nós apenas obedecemos o sistema, não percebemos que fomos escravizados pela nossa mente/ego que foi programado com todos os tipos de crenças falsas. Não percebemos que todo o sistema é uma matrix falsa baseada no medo. Enquanto as pessoas estão com medo, podem ser mantidas sob controle e os que detêm o poder ganham dinheiro com elas. Muito dinheiro. Seguros, produtos farmacêuticos, veículos, produtos eletrônicos e moda são apenas alguns exemplos de como uma quantidade enorme de dinheiro é gerada através dos nossos medos.

Ficamos obcecados em adquirir mais e mais dinheiro para sermos capazes de compensar estes medos e justificar a nossa falta de conexão com a Fontes adquirindo bens materiais inúteis. Achamos que temos de melhorar o nosso status para sermos bons e ganhar respeito. Nós nem sequer percebemos o quanto as nossas posses do mundo material estão nos controlando e nos mantêm dependentes em um círculo vicioso que só perpetua a insatisfação. Nós precisamos proteger o que conquistamos e estar preparados para tempos difíceis (medo). Na terceira dimensão, estamos sempre gerando pensamentos negativos e desconfiando de tudo e de todos.

A ilusão da dualidade na terceira dimensão nos permite experimentar a luz e a escuridão, o bem e o mal, a alegria e o desespero, o melhor e o pior. Temos a opção de agir como santos ou demônios. Mas realmente a única escolha que temos neste plano é: Amor ou medo. Luz ou escuridão. Isso é o que o livre-arbítrio nos permite. Enquanto seguirmos escolhendo o medo, estamos repetindo as nossas experiências e padrões até entendermos que devemos escolher o amor. Este é o segredo da terceira dimensão.

Quando aprendemos a escolher o amor de forma permanente, alcançamos à iluminação, o que aumenta a nossa frequência significativamente. Desta forma, podemos superar os limites do nosso ego/mente. Aprendemos a deixar o coração e a alma assumirem a liderança, transformando o ego em um auxiliar. Aprendemos como as energias universais funcionam e como podemos criar a nossa realidade. Entendemos que tivemos o controle a nossa disposição o tempo todo, apenas não o enxergamos. Aprendemos que não existem vítimas ou carrascos, existem apenas professores cujas lições nos ajudam a crescer. Não precisamos esperar morrer para ir para a luz. Podemos fazer isto estando em um corpo humano.

A 4ª Dimensão – O Mundo Mágico dos Sonhos



A 4ª dimensão é o mundo dos sonhos. É também chamado de plano astral. É uma dimensão que é menos densa e muito mais fluida do que a 3ª dimensão, mas ainda abriga a ilusão da dualidade e o ego é capaz de existir aqui também. É a dimensão do tempo. Imagine que ela seja um fluxo de energia que hospeda todos os eventos de um cronograma específico. Nós geralmente visitamos este plano naturalmente durante a noite. Nela em nossos estados de sonhos, tudo é possível. Um rato pode se transformar em um leão, que pode voar ou respirar debaixo de água, que pode estar em muitos lugares ao mesmo tempo e temos conversas com criaturas estranhas.

Os viajantes astrais experientes são capazes de acessar este plano também durante o dia. Isso pode se tornar tão real que eles estão realmente tendo aventuras fora do corpo ou intensas experiências. Este é o plano para o qual os xamãs de civilizações antigas viajavam para saber mais e se conectar aos reinos espirituais. Estas viagens davam-lhes o acesso ao submundo e partes do mundo superior. Muitos deles usaram drogas e cerimônias de transes especiais para conseguir seu intento. Dependendo da vibração energética da pessoa, viajar no plano astral pode ser muito amoroso e agradável ou pode ser uma experiência muito assustadora e terrível. Drogas nunca vão nos levar acima da quarta dimensão inferior.

No entanto, viajar no plano astral pode ser muito instigante para aprendermos mais sobre nós mesmos, sobre o nosso propósito e sobre os nossos medos, também podemos manter um estreito intercâmbio com o nosso EU superior. Não importa o quão longe viajamos nesta dimensão, nós sempre ficamos na mesma linha de tempo. Neste plano também é possível aproveitar a consciência coletiva e aprender mais através dela. O reino astral é um lugar onde a luz e a escuridão entram em conflito com facilidade. A magia negra está disseminada no seu plano inferior, os viajantes astrais, por exemplo, podem nos influenciar neste plano facilmente quando estamos cheios de medo e ainda não aprendemos a definir limites energéticos saudáveis, ou seja, sermos capazes de criar a nossa própria luz e sustentá-la de modo que ela simplesmente absorva a escuridão. A maioria das pessoas não se lembra de suas experiências astrais conscientemente neste plano, o que torna ainda mais difícil detectar manipulações energéticas ocasionadas.

A 4ª dimensão conecta a escuridão e a luz. Neste plano, podemos nos proteger apenas aplicando as leis universais energéticas, pois não existem leis ou regulamentos humanos de controle.

As pessoas de frequência superior não estão experimentando o plano astral conscientemente. É por isto que muitas vezes se sentem sozinhas ou pensam que está demorando o seu despertar e ascensão, porque elas não têm todas essas experiências loucas que as outras pessoas tem e ficam tão animadas. A frequência do corpo destas pessoas já é maior do que a frequência da 4ª dimensão desde o seu nascimento. Elas muitas vezes experimentam um cansaço inexplicável durante toda a sua existência na 3ª dimensão, porque a diferença entre as frequências densas da 3ª dimensão e as frequências mais leves da 5ª dimensão provocam um atrito permanente e o corpo tem dificuldades em lidar com isto. Elas passam pela programação da 3ª dimensão assim como todo mundo, embora muitas vezes elas tenham um sentimento muito forte de “não está certo o que está acontecendo aqui” e estão frequentemente questionando e sabotando o sistema. Algumas pessoas de frequências superiores se envolvem com álcool e/ou drogas porque elas não são capazes de lidar bem com a baixa densidade, pois pelas sentem que estão negando seus dons e talentos espirituais. Elas só querem ser normais e se encaixar na vida. O problema é que drogas e álcool são de frequência muito menor do que os seus corpos, o que pode causar ansiedade permanente e depressão.

As pessoas de frequências superior não experimentam pesadelos. Elas podem ter ataques de pânico e espirais de pensamentos antes de dormir ou quando elas estão meio cochilando meio acordada, mas seus sonhos quando elas se lembram, estão ocorrendo na 5ª dimensão e acima. Estes sonhos não contêm medo ou escuridão, pois eles acontecem nos planos do amor incondicional.

Elas estão experimentando sua ascensão de forma diferente, muito mais sutil, sincera. Uma vez que o seu despertar é iniciado e elas se abrem para a sua espiritualidade, o processo geralmente acontece mais rápido do que a média e elas limpam a programação da 3ª dimensão rapidamente já que o seu sistema quer voltar para a sua frequência natural o mais cedo possível. Elas são claramente conscientes, o que significa que de repente, elas sabem coisas sem saber por que. Isto acontece porque elas têm acesso a outras linhas de tempo e dimensões. Normalmente é de forma inconsciente. Elas simplesmente se desligam alguns minutos, sentem frio e ficam confusas depois de tal experiência. Não é melhor ou pior ser de frequência superior ou não, as experiências são simplesmente diferentes.

A 5ª Dimensão – O Plano de Luz



De todas as dimensões superiores a 5ª dimensão é a última de pura luz e amor incondicional, ou seja, a energia da Fonte no caminho para baixo antes de entrar nos reinos de limitações e dualidade. Esta é a dimensão além do tempo linear, o que significa que muitas linhas de tempo diferentes estão disponíveis para acessar simultaneamente. A existência física ainda é possível neste plano, embora o corpo seja mais leve e de uma estrutura celular diferente. Quando o corpo físico está totalmente transformado para esta estrutura não existe nenhuma dor, não existe medo. É o plano da abundância e do amor incondicional manifestado no físico. O nosso EU superior está integrado no nosso corpo físico e assumiu a nossa orientação.

A sensação é muito diferente até por apenas canalizar seu EU superior. A primeira vez que seu EU superior se move totalmente para o seu corpo físico é uma sensação indescritível. É um fluxo energético intenso de amor incondicional e você sente tudo leve e fácil. Antes do seu EU superior estar totalmente ancorado no corpo físico, a cura do (mental, emocional e físico) deve estar concluída. Portanto, o seu EU superior vai entrar e sair por algum tempo até que ele possa ficar de forma permanente. Você saberá quando o seu EU superior está integrado, pois você não vai mais questionar o fluxo universal e simplesmente confiará em sua jornada. Você não sentirá mais necessidade de interferir ou controlar este fluxo.

Na 5ª dimensão, todas as nossas ações são baseadas no amor. É o plano da unidade, onde nos sentimos em conexão com tudo e todos ao nosso redor, incluindo a energia da Fonte. Na 5ª dimensão vivemos em unidade de consciência, mas ainda nos reconhecemos como um ser individual que faz parte do todo. Neste plano lembramos quem realmente somos e estamos conscientes da nossa alma eterna. A manifestação é fácil e a vida que imaginamos é a nossa realidade. Na 5ª dimensão tudo vem sem esforço porque redescobrimos o fluxo energético Universal que sempre nos orienta perfeitamente. Não existem limites. Vivemos em completa liberdade e autenticidade. Como não existe medo, não existe envelhecimento nem doenças. Nós vivemos no corpo enquanto nós queremos, até que decidimos deixar o corpo, o que acontece de forma suave e sem qualquer dor.

Quando alguém elevou a própria frequência para o nível da 5ª dimensão, o retorno às dimensões inferiores não é mais possível, a menos que a alma escolha conscientemente. Esta foi a escolha de muitas sementes estelares e seres angélicos que decidiram ajudar a humanidade e Gaia a ascender. Pessoas na 5ª dimensão são imunes as baixas frequências, já que não existe ressonância. Elas não atraem a escuridão e vivem exclusivamente na luz. Elas não podem ser vistas por pessoas da 3ª dimensão, caso estas pessoas não tenham começado o seu processo de ascensão e estiverem abertas para as frequências superiores.

Ou seja, quando a dualidade e o tempo linear se dissolverem, tudo o que existirá é uma vida no AGORA. Todas as experiências são abraçadas com gratidão, pois a alma sabe que tudo tem um propósito para o crescimento e expansão da consciência. O contato com os extraterrestres e os seres angélicos torna-se fácil e está integrado na experiência diária. Nós recebemos informações diretamente dos planos elevados, telepatia, teletransporte e telecinese se tornam possíveis. A 5ª dimensão é a dimensão da confiança profunda e um conhecimento interior de que tudo está acontecendo perfeitamente como deve. Neste plano, aprendemos a seguir com o fluxo e deixar a Fonte trabalhar através de nós criando milagres.

Não existe necessidade de estar certo na 5ª dimensão, já que o ego não existe. Nosso ego transcendeu para um espírito livre e está trabalhando lado a lado com o corpo e a alma. Na 5ª dimensão não levamos nada mais para o lado pessoal daqueles que não tenham atingido esse plano ainda. Nós sabemos sobre a sua própria bagagem e viagem e não julgamos ou culpamos, mas amamos incondicionalmente porque sabemos que todos são parte do todo. Sabemos que não existe perigo, por isto sabemos que não existe necessidade de proteção. Sabemos que a nossa luz brilha tão forte que absorve automaticamente a escuridão ao nosso redor.

Na 5ª dimensão vivemos de acordo com as leis energéticas universais, sabendo que criamos o que nós pensamos. Não existem regras ou leis feitas pelo homem, porque as pessoas confiam plenamente no fluxo energético e somos orientados onde é preciso. Não existe necessidade de posses ou status, já que não existe competição e nada para comparar. Tudo se torna uma partilha. Nós apenas somos. Amamos a nós mesmos e apreciamos a nossa individualidade como parte do todo. Sabemos que nossas necessidades são sempre satisfeitas e somos sempre cuidados. A gratidão está sempre presente. Quando vivemos na 5ª dimensão permanentemente nos mantemos em um estado de iluminação. Não é à toa que ela é conhecida como o céu na Terra.

©Vera


Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível ☼

Fonte AQUI



quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Separação: Possivelmente o Maior Desafio da Humanidade. Nós Podemos Mudar Isso?

"...Se você não reconhece a conexão
entre você e o outro e o mundo que vive
dentro de você, você não vai reconhece-la fora..."


A verdadeira igualdade não é material, mas é a verdade indelével de quem você é, como parte da totalidade da criação.

A compaixão por outro ser humano, independentemente de raça, status socioeconômico, ou estado mental/físico requer uma inteligência emocional e maturidade que a maioria das pessoas não alcança dentro de sua vida.

Poderíamos culpar o nosso sistema educacional, cultura, condicionamento e até mesmo a opressão permanente exercida por aqueles no poder, mas seria errado fazê-lo. O mundo é apenas um reflexo do mal-entendido fundamental que continua a perpetuar a servidão e o sofrimento humano: a crença de que estamos separados uns dos outros.

Outro nome para o que aflige a humanidade é a consciência de separação. Porque a 3ª dimensão física consiste de acima e abaixo, pobre e rico, mentalidade primitiva da humanidade, acredita-se que devido ao aparecimento do espaço e tempo eu e você não estamos conectados. No entanto, como pode ser isso? Onde é que está a linha que liga todos nós juntos e onde ela termina?

A crença na separação é tão arraigada na cultura, sub-culturas, sistemas sociais e até mesmo na religião, que tem sido a desculpa para tratar os outros como subvalorizados e descartáveis em função dos ideais do dia. Não há um ato de violência em que a desigualdade (o pensamento de separação) não esteja na raiz.

O Que é a Igualdade?

Onde é que a verdadeira igualdade surge ? A partir do nosso interior. Se você não reconhece a conexão entre você e o outro e o mundo que vive dentro de você, você não vai reconhece-la fora. A verdadeira igualdade não é material, mas é a verdade indelével de quem você é, como parte da totalidade da criação.

Existem aqueles que transcenderam a educação e as condições criadas pelo homem, olhando para dentro para encontrar a unidade de toda a vida que é a verdadeira natureza do Universo. Martin Luther King, Madre Teresa, mesmo o John Lennon que sugeriu para cada um de nós imaginar e analisar o mundo de dentro para fora e ver a vida como ela realmente é, não como “nós” e “eles”, mas com todos fazendo parte do “nós”.

Somos todos criados pela mesma Fonte, onde não existe nenhuma parte da criação que é mais ou menos importante do que qualquer outra. Uma vez que isto é entendido internamente, pode então ser experimentado externamente como sua conduta no mundo, começando a construir uma nova realidade para si e para os outros. Mesmo que os outros ao seu redor não entendam o que você faz para todos, faça por você, é imperativo você permanecer firme dentro do quadro maior, ou da primeira diretriz universal da nossa unidade.

Martin Luther King disse: “A última medida de um homem não é onde ele se encontra em momentos de conforto e conveniência, mas onde ele se encontra em tempos de desafios e controvérsias.” Vencer a dificuldade é a força de caráter que você exibe com o seu comportamento quando interage com o resto do mundo.

Responsabilidade + Integridade = Sustentabilidade

A integridade é sinônimo de responsabilidade e sustentabilidade. Esteja ciente e entenda as suas escolhas para unir ou dividir, pergunte-se se você está escolhendo sustentabilidade proativa ou reatividade destrutiva. A escolha certa faz de você um ser humano habilitado e capacitado, transcendendo a cor da pele e as crenças antiquadas dos outros ou impostas pela sociedade.

O convite é para permanecer firme dentro do assento de coragem pessoal, mesmo quando os outros em torno de você perdem seu rumo. Isto conduzirá você para o melhor caminho. Sendo o primeiro a mudar você muda o mundo. Com a nova consciência do que não está mais funcionando, o líder surgindo em você percebe que a escuridão combatendo a escuridão produz o mesmo fruto inútil. Em vez disso, seja a luz. Outros vão enxergar e seguir o seu exemplo. O tempo está em cima de nós para viver sem medo e corajosamente fazer o que nós decidimos antes de nascer.

Nada pode existir sem o seu apoio. A humanidade vai avançar muito mais rapidamente para acabar com as guerras, privadas e públicas e criar o mundo que sabemos ser possível, quando substituirmos a consciência de separação pelas recompensas da consciência da UNIDADE. O mundo está esperando-o. Você vai atender a chamada?

©Christine Horner
Tradução e Divulgação: A Luz é Invencível
Fonte: AQUI

segunda-feira, 25 de julho de 2016

A única força verdadeira


"Se nos contentarmos com o fato de não sermos ninguém em especial e de não sobressairmos, estaremos em sintonia com o poder do Universo.

O que para o ego parece fraqueza é, na realidade, a única força verdadeira. Esta verdade espiritual é diametralmente oposta aos valores da nossa cultura contemporânea e ao modo como ela condiciona o comportamento das pessoas.

Como nos ensina o Tao Te King, em vez de tentares ser uma montanha, «Sê o vale do Universo». Desta forma, serás devolvido ao todo, e «todas as coisas virão até ti».

De modo semelhante, Jesus ensina-nos o seguinte numa das suas parábolas: "Mas quando fores convidado, vai-te sentar no último lugar, e, assim, quando chegar aquele que te convidou dir-te-á: "Amigo, venha mais para a frente." Então isto será uma honra para ti aos olhos de todos os que estiverem sentados contigo à mesa. Porque todo aquele que se exalta será humilhado, e o que se humilha será exaltado".

Outro aspeto desta prática é abster-se de tentar fortalecer a sua identidade exibindo-se, querendo sobressair, ser especial, causar boa impressão ou exigir atenção, o que também pode implicar que ocasionalmente se abstenha de expressar a sua opinião quando os outros exprimem as deles, permitindo-lhe tomar consciência da forma como se sente.(...) *1

Se não houver ação que você possa levar a cabo e também se não puder sair da situação, então utilize-a para caminhar mais profundamente para a rendição, 
mais profundamente para o Agora, mais profundamente para o Ser.

Quando você entra nesta dimensão intemporal do presente, a mudança acontece, com frequência, de formas estranhas, sem haver necessidade de grandes ações da sua parte. A vida torna-se favorável.

Se fatores interiores como o medo, a culpa ou a inércia o impediram de agir, eles dissolver-se-ão na luz da sua presença consciente.

Não confunda a rendição com uma atitude de «já não quero saber» ou «já não ligo». Se você analisar a situação com atenção, descobrirá que tal atitude está  maculada com negativismo sob a forma de ressentimento oculto e, desse modo, não é de forma alguma rendição, mas sim resistência mascarada.

À medida que você se rende, dirija a sua atenção para o interior de modo a verificar se há algum vestígio de resistência dentro de si. Fique bem alerta quando o fizer, senão uma bolsa de resistência pode continuar a esconder-se em algum canto escuro sob a forma de um pensamento ou de uma emoção desconhecida.(...) *2

Vou dar-lhe um exemplo de um exercício espiritual que trará poder e expansão criativa à sua vida. 
Elabore uma lista das atividades rotineiras que você desempenha habitualmente. Inclua as atividades que considera pouco interessantes, aborrecidas, entediantes, irritantes ou que provocam stress. Mas não inclua nada que você odeie ou deteste fazer. Nestes casos, tem de aceitar ou deixar de fazer essas coisas.

A lista pode incluir a viagem de ida e volta para o seu local de trabalho, ir às compras, tratar da roupa ou de tudo o que você considere enfadonho na sua rotina diária.

Depois, sempre que estiver a desempenhar essas atividades, deixe que elas sejam um veículo para o seu estado de alerta.

Esteja absolutamente presente naquilo que faz e sinta o silêncio em estado de alerta e vivo dentro de si, que serve de pano de fundo a qualquer atividade. Rapidamente vai descobrir que tudo o que faz neste estado de consciência elevada, em vez de ser enfadonho, enervante ou constitui um motivo de stress, começa na realidade a produzir satisfação.

Para ser mais exato, o que lhe dá satisfação não é a ação exterior, mas a dimensão interior de consciência que flui para a ação.

A isto chama-se encontrar a alegria do Ser naquilo que está a fazer. Se você acha que a sua vida carece de significado ou que está demasiado cheia de stress ou tédio, é porque ainda não trouxe essa dimensão para a sua vida. Estar consciente do que faz ainda não se converteu no seu principal objetivo.

O novo mundo floresce à medida que cada vez mais pessoas descobrem que o seu principal propósito na vida é trazer a luz da consciência a este mundo, usando por isso tudo o que fazem para transmitir essa consciência. A alegria do Ser é a alegria de estar consciente." *3

Eckhart Tolle

[*1 Eckhart Tolle em O Poder do Agora]
[*2 Eckhart Tolle em A prática do Poder do Agora]
[*3 Eckhart Tolle em Um mundo novo]


domingo, 1 de maio de 2016

DECRETO DE REI



O Rei deu um sinal, e os convidados reunidos tomaram assento. Com uma voz majestosa e poderosa, desde o mais profundo de seu coração, verteu uma invocação ao “Infinito Supremo Uno”.

«Oh! Magna Fonte Onipresente, Tu que governas o Universo, Tu que és a Chama em cada coração humano! Te amamos, Te louvamos e Te damos nossa gratidão por Tua própria Vida, Luz e Amor em todas as coisas. Te adoramos e contemplamos somente a Ti, a “Presença” em todas as coisas – visíveis e invisíveis, evoluídas e não evoluídas – Tu incessante Corrente de Vida que derramas para sempre em toda criação, o Ser Uno em tudo.

«Meu coração pede com insistência a Ti como nunca antes, para que despertes este meu povo para o perigo em que se encontra, porque ultimamente a indiferença para Contigo os tem invadido como um hálito venenoso, produzindo um sono da alma e correndo um véu ante eles que os separa de Tua Esplendorosa Presença.

«Se eles têm que passar a experiência que consome e queima a escória e nuvens do ser externo, então Te peço que os sustentes e finalmente os leves a Tua Eterna Perfeição. Invoco a Ti, Criador do Universo – a Ti, Deus Supremo e Onipotente.»

(do livro: Mistérios Desvelados -
Ensinamentos do Mestre Saint Germain, pág 54)


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...