Pesquisar este blog

Translate

sábado, 18 de maio de 2019

Salmo 13



1 Até quando, Senhor?
Para sempre te esquecerás de mim?
Até quando esconderás de mim o teu rosto?

2 Até quando terei inquietações
e tristeza no coração dia após dia?
Até quando o meu inimigo triunfará sobre mim?

3 Olha para mim e responde, Senhor, meu Deus.
Ilumina os meus olhos, ou do contrário dormirei o sono da morte;

4 os meus inimigos dirão: "Eu o venci",
e os meus adversários festejarão o meu fracasso.

5 Eu, porém, confio em teu amor;
o meu coração exulta em tua salvação.

6 Quero cantar ao Senhor
pelo bem que me tem feito.


domingo, 12 de maio de 2019

Todos os dias são seus



Amor materno pode parecer chatice; mãe pode ser aquela que sabe tudo, a implicante, a que diz não algumas vezes, mas não porque queira mal, mas porque te ama.
(trechinho de Lightworkers)



quarta-feira, 1 de maio de 2019

Em nome da Presença Divina que há em mim eu abençôo esse dia. EU SOU Luz.

Fuji Gardens in Kitakyushu -Japan

"Tu és um filho da Luz e estás abrigado na divina corrente da misericórdia. Preenche tua casa, tua família e tudo ao teu redor com esta divina perfeição - não permitas mais outros pensamentos".

(Mestre Saint Germain)



quarta-feira, 6 de março de 2019

Abandone a busca...



Abandone a busca
Abandone o desejo
A expectativa

O anseio
A ideia
Da Realização,
De encontrar a Si mesmo.

Veja que o desejo,
A ansiedade

A meta
O esforço
Os sacrifícios
Todas as formas
E maneiras
Te tiram do aqui e agora
Permanente,
Que é sempre onde o Ser está.

Retire a busca

O desejo
A ideia
O conceito
De que algo te falta,
De que você não é realizado em Si mesmo
E verá que,
O Ser sempre foi e é
Além de qualquer meta
Pensamento
Conceito
Desejo.

A realização é sempre presente

É a sua Natureza Original
Muito além de qualquer conceito
Ideias
Pensamentos

Metas
Expectativas
Que um dia te fizeram acreditar.

A ideia da busca "cria" uma meta

O Ser já É...
Em "ti", em "mim" em tudo que há,
Aqui e Agora...

FONTE: Aqui


domingo, 24 de fevereiro de 2019

Apenas Ser


"Lá vem ela novamente...
Sorrateiramente, assim dissimulando... mas é ela...
Começa assim devagarinho... e logo logo já vem
com aqueles argumentos todos, aquelas falas todas, e os assuntos mais variados...
Lá vem ela...

Tem tantos pontos de vista,
Tantos problemas seríssimos,
Tantas analises, tantas sínteses,
Tantas comparações... 
e memórias.. ah quantas e quantas memórias...
Chega a cansar de tantas memórias, de fatos passados
de pessoas, de lugares, e memórias que não acabam mais...
Os detalhes então...são infinitos...

Lá vem ela.. novamente 
Acha que vai me enganar com esse jeito manso,
essas colocações tão sinuosas e sedutoras...
mas as falas são tantas, e tão vazias que logo vejo de quem se trata...

É a mente de novo, com essas falas bobas, esses problemas inexistentes 
e sempre com ares de que sabe tudo e que pode prever o futuro perfeitamente...

Chega a ser engraçado tudo isso...

Sempre os mesmos caminhos, sempre os mesmos pontos críticos e as mesmas falas repetidas...

Isso é mesmo divertido...
Ver a mente tagarelando, criando coisas que não existem, e achando que caio nessas falas infundadas...

Já foi tempo que isso acontecia...hoje não mais...

Posso ver a mente criando histórias, e 'bolando estratégias' para resolver
os  'problemas seríssimos' criados por ela mesma... 
Chega a ser engraçado isso...

Posso ouvir seus lamentos, suas dúvidas, suas profundas análises dos fatos,
e permanecer silenciosa, pacífica, 
e me divertindo com tudo aquilo...
Sim... sim...sim...

A mente cria fantasias, e muitas... vê coisas que não existem, sonha,
é se diz a 'dona da verdade'...sempre! 
Só que ela mesma é uma sombra.. não tem vida própria... 
como pode então?

Pura diversão!!!  :)

A mente fala...cria imagens, histórias... 
Trás memórias, e julga.. julga muito...briga com a realidade, não aceita um monte de coisas... está sempre em guerra, em conflito com tantas situações...
ou então atada a um monte de outras coisas, quer isso, não quer aquilo...
confusão e mais confusão..

Isso faz com que ela fale ainda mais, crie mais estratégias e mais e mais 'problemas',mais e mais'soluções'...

A mente é um imenso labirinto...
sem começo nem fim...

Mas eu não sou ela... ela acontece a mim...

Sou quem observa a mente falar...

Deixe que ela fale...deixe que ela crie suas loucas histórias... não há nenhum mal nisso...

A mente é uma pequena expressão minha, 

um pequeno e divertido aspecto,
nada de mais...é energia em movimento, 
deixe fluir...

Posso observar o que se passa, e permanecer absolutamente serena e calma, já que nada de fato acontece... pensamentos são visitas, sentimentos também são visitas... deixe-os vir, deixe-os ir...
nenhum 'problema' nisso...

Observo cada um deles atentamente e com amor...
Acolho sentimentos, memórias, pensamentos, tudo é acolhido com amor...
E porque não? se são criações daquele momento...
Chegam e se vão, sem deixar nenhum rastro...

Permaneço abençoando aquilo que É.
Permaneço acolhendo o instante presente, 
Eu sou o agora, e o agora sou eu... 

Neste Ser, tudo é possível acontecer...

Neste instante tudo está incluído,
tudo perfeito como é... nada falta, nada errado, 
tudo acolhido e transcendido,
com consciência e amor...

Observo a Mim mesma em tudo e em todos... 
Cada ser, cada instante Sou Eu...

Posso simplesmente permanecer
pacífica, amorosa, plena
 na Consciência de apenas
Ser."..

~Amidha Prem~

Fonte: AQUI


domingo, 27 de janeiro de 2019

EU SOU a Infinita Gratidão


EU SOU a Infinita Gratidão pelas
dádivas da natureza
e dos seres elementais,
dos reinos mineral,
vegetal e animal
que servem à humanidade.

Eu agradeço a esses Seres sem livre escolha, pois sem eles nenhum ser humano teria vida sobre a Terra. Perdão pelos erros cometidos pela humanidade a todos vocês, meus queridos irmãos.


sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

A Crença e a Fé


Sobre a Crença e a Fé
Eckhart Tolle


"Existe uma diferença importante, bastante grande, entre crença e fé..


Muito embora em alguns idiomas, como no alemão por exemplo, as duas palavras são a mesma.

Mas existe uma grande diferença entre crença e fé. Fé é algo interior, usando uma palavra próxima seria CONFIANÇA.

Uma interna e profunda confiança, na Vida, Deus, Inteligência Universal... ou qualquer nome que você quiser dar.

Trata-se de um senso de profunda confiança que só pode existir quando você se conecta com aquilo que está além da mente. Porque é na mente que a crença opera,

Você precisa ir mais fundo que a crença para encontrar a fé.

Fé não tem nada a ver com histórias.
Fé é uma realização intelectual de poder.

Você provavelmente já conhece o livro da sabedoria chinesa Tao Te Ching. Tao Te Ching, são três palavras. A segunda palavra Te, que no inglês se escreve T-E,significa Poder. É isso que realmente significa.
Em geral é mal traduzido como virtude. Mas significa verdadeiramente poder.

Logo, Tao Te Ching, é o livro do poder do Tao. Tao, é aquilo que transcende - A Vida Una, que permeia todo o Universo.

Este "poder" é a fé.

Quando você tem fé, você está conscientemente enraizado no Ser. Muito mais profundo que a "persona" (personalidade).

A fé também é o fim de todo o medo. Medo significa que você não saiu ainda do reino das formas. Quando se está enraizado no "sem-forma", ou além da forma, não existe mais medo.

Enquanto você acreditar ser esta entidade ( eu/ego), uma entidade baseada na forma física e psicológica, você sempre se sentirá ameaçado. Mas, se perceber que você não está apenas conectado com algo maior, mas que você É essa vastidão, aí então você terá fé."

Eckhart Tolle em Satsang - http://www.youtube.com/watch?v=d4v_5cmLL5k

Toda crença é ainda um atributo da mente. "Eu acredito em algo", "em alguém", "em alguma história". Quem crê é o eu. A crença é ainda periférica, pois é condicionada a determinadas condições.

Osho usa um exemplo claro sobre a crença e a confiança. O cego acredita na luz, pois ele não vê a luz, então ele acredita no que dizem a ele sobre o que seja a luz. Quem vê, quem enxerga, não acredita na luz pois a luz é uma realidade.

A crença ainda acontece àqueles que não veem. Trata-se de uma preparação eu diria, para a Confiança. Confiança é uma entrega profunda, consciente, desinteressada na inteligência fecunda Universal, em Deus, na Totalidade. Na confiança os diálogos internos já não existem mais, e nenhuma queixa ou desejo estão presentes.

Existe apenas um silencio original, que reconhece-se enquanto Totalidade, e as "divisões" interno-externo desapareceram.

O que nasce então é um reconhecimento do EU SOU essencial, o Todo Unidade se apresentando, e se reconhecendo a cada momento.

Uma vez que a essência tenha sido integrada, tudo o que acontece é reconhecido como próprio, como o Ser, e nenhuma estranheza, desconforto, é possível já que o relaxamento no aqui e agora é pleno, e o desfrutar daquilo que acontece é total.
Se está sempre em casa!

Nenhum lugar é estranho, nenhuma situação é estranha; fugas, estranhezas, desconforto, desejos, medos, passam a ser meros conceitos...

A relação com a realidade passa a ser direta e sem nenhuma influência da mente, e tem como base o princípio do prazer; a consciência iluminando cada ação, cada gesto, cada fala, cada atitude, cria uma beleza em cada instante, e todas as situações são apenas aprendizados que se sucedem, nada mais...

Quando se desvencilha das falas da mente, o que surge é a simplicidade, e nessa simplicidade a entrega, a confiança, acontecem naturalmente.

Este é o poder da Confiança...

Relaxar no Ser é desfrutar do instante e nele fluir simplesmente, completamente...

Fonte 1: http://ventosdepaz.blogspot.com.br/2013/08/sobre-crenca-e-fe-eckhart-tolle.html

Eckhart Tolle Facebook Ego - http://www.nowmaste.com.br/eckhart-tolle-facebook-ego/

Fonte 2: ©2016 Solange Christtine Ventura





Obrigado por incluir o link do website quando compartilhar esta Mensagem com outros.


domingo, 6 de janeiro de 2019

O RIO E O OCEANO



"Dizem que antes de um rio entrar no mar, ele treme de medo. Olha para trás, para toda a jornada que percorreu, para os cumes, para as montanhas, para o longo caminho sinuoso que trilhou através de florestas e povoados e vê à sua frente um oceano tão vasto, que entrar nele nada mais é do que desaparecer para sempre.

Mas não há outra maneira. O rio não pode voltar. Ninguém pode voltar. Voltar é impossível na existência. O rio precisa aceitar sua natureza e entrar no oceano.

Somente entrar no oceano o medo irá se diluir, porque apenas então o rio saberá que não se trata de desaparecer no oceano, mas tornar-se oceano.

Por um lado é desaparecimento e por outro lado é

renascimento".

Osho


sábado, 5 de janeiro de 2019

EU ABENÇÔO A LUZ


EU SOU uma Filha da Luz.
Eu amo a Luz.
Eu sirvo à Luz.
Eu vivo na Luz.
Eu sou protegida,
iluminada, suprida,
sustentada pela Luz
e eu abençôo a Luz.

A Luz de Deus nunca falha e eu me reconheço como filha de Deus, sempre cercado pela Sua Luz e seu Amor Infinito.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...